Verónica Parente

Verónica Parente

Pintora e Educadora Social

Almas Jovens, Corações Vivos: Emoções e Vivências Profundas no Âmago da Igreja

Almas Jovens, Corações Vivos: Emoções e Vivências Profundas no Âmago da Igreja

A relação entre a Igreja e o estado emocional dos mais novos pode ser complexa e influenciada por uma variedade de fatores interconectados. Estes fatores complexos interagem de maneira única, impactando as perceções e emoções dos mais novos em relação à Igreja. Entender esta interação é crucial para criar ambientes religiosos que promovam o bem-estar emocional. E a Igreja, será que desempenha um papel fundamental nesta tela? Caminha ela de forma salutar, passo a passo, com o mundo emocional dos mais novos?

Almas Jovens, Corações Vivos: Emoções e Vivências Profundas no Âmago da Igreja

Almas Jovens, Corações Vivos: Emoções e Vivências Profundas no Âmago da Igreja

A relação entre a Igreja e o estado emocional dos mais novos pode ser complexa e influenciada por uma variedade de fatores interconectados. Estes fatores complexos interagem de maneira única, impactando as perceções e emoções dos mais novos em relação à Igreja. Entender esta interação é crucial para criar ambientes religiosos que promovam o bem-estar emocional. E a Igreja, será que desempenha um papel fundamental nesta tela? Caminha ela de forma salutar, passo a passo, com o mundo emocional dos mais novos?

O Divino Pintor e os outros em emendas de sentimentos

O Divino Pintor e os outros em emendas de sentimentos

Demos início à obra artística hoje mesmo. Talvez precisemos de mais amor e generosidade. Amor no coração e generosidade na alma. Subamos ao alto da serra, às cumeadas revestidas de neve das altas montanhas. E quando descermos pintaremos mais vivamente na nossa alma, a virtude do desprendimento das coisas terrenas. O degradé de cores do Divino Pintor. Sejamos espelho e abracemos o outro que clama por nós, n´Ele.

A estrela aponta o caminho!

A estrela aponta o caminho!

Num tempo de excesso de luz e de omnipresença dos écrans quem ainda sabe contar uma história? Ou melhor, quem neste tempo de vertigem tem tempo para escutar histórias? E se não as aprendem quem, no futuro, contará o encontro dos Magos com a família de Nazaré?

Fortalecer a amizade à mesa

Fortalecer a amizade à mesa

Uma forma de cultivar o nosso “jardim interior” é cuidar da nossa alimentação e ter hábitos de vida saudáveis. Na correria do dia a dia nem sempre temos tempo para comer bem, apreciar os alimentos, conviver com a família e os amigos à mesa. Uma das formas de...

Despertar consciências no ensino

Despertar consciências no ensino

Trazemos hoje uma reflexão que vai ao encontro do apelo do Papa Francisco ao despertar consciências para a nossa Casa Comum. Trata-se de um exemplo sobre metodologias de ensino mais inovadoras e potenciadoras de maior abertura ao outro com o objetivo de levar os...

Abrir processos de acompanhamento

Abrir processos de acompanhamento

A comunidade cristã ou está marcada por processos de acompanhamento, na qual ninguém se sente só e abandonado, ou não é verdadeira comunidade cristã. Qualquer opção vocacional precisa de um acompanhamento antes, durante e após a celebração do respetivo compromisso....

Deus nunca se cansa de dar*

Deus nunca se cansa de dar*

A gestação e o nascimento de filho é um imenso dom de Deus, o jardineiro das nossas almas. Para os pais, um cuidado, um desafio, um voto de confiança na Providência, uma oportunidade de aprender e crescer mais e mais. Um caminho por fazer. A história das nossas vidas...

Itinerários de discernimento

Itinerários de discernimento

Na comunidade cristã todos somos chamados a viver uma vocação: sacerdotal, consagrada, missionária, laical celibatária, secular… Nenhum vocacionado, porém, vive por si e para si, mas em comunhão com os demais. Na esteira da proposta do Papa Francisco reflete-se, neste...